18 de dezembro de 2017 / 10:54 h

SOLIDARIEDADE

Moradores do Ouro Fino recebem apoio da ALMT

Sopão e alimentos são oferecidos graças à parceria da Sala da Mulher

Por ITIMARA FIGUEIREDO – Assessoria de Imprensa da Presidência

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Eduardo Botelho (PSB) e a presidente e honra da Sala da Mulher, Sônia Botelho, visitaram nesta sexta-feira (15.12), a Associação de Mulheres Joana Darc, do bairro Ouro Fino, em Cuiabá. A entidade filantrópica oferece semanalmente sopão e distribui alimentos para 130 famílias cadastradas.

Recentemente, Botelho entregou uma Kombi para ajudar na arrecadação dos alimentos doados por uma rede de supermercados. A Sala da Mulher também é parceira na doação alimentos não perecíveis arrecadados através do ingresso social dos eventos realizados no Teatro Zulmira Canavarros.

Sob o comando de Pedrina Maria de Santana, a associação oferece o sopão às terças e sextas-feiras. Os participantes têm a oportunidade também de levar pra casa sacolas de alimentos. “Todos os dias pessoas carentes batem à nossa porta pedindo ajuda. Então, há 20 anos começamos o mutirão para arrecadar os produtos e distribuir à comunidade, uma forma de ajudar o próximo. Estamos felizes porque o presidente Botelho nos doou a Kombi e a dona Sônia parte dos alimentos que vamos distribuir à comunidade”, agradece Pedrina, que cedeu o espaço na própria casa para a associação.

Essa mesma ação foi levada para mais 15 bairros. Totalizando 800 famílias amparadas. Agora, a associação busca novas parcerias para investir na infraestrutura, inclusive, construir uma varanda para receber os moradores com mais conforto. Botelho assegurou empenho em trabalhar ainda mais para que o mutirão seja ampliado.

“O trabalho que a Sala da Mulher vem fazendo é brilhante. Tanto que vai fechar o ano com quase 50 toneladas de alimentos arrecadados. Queremos ampliar esse mutirão nos bairros. Hoje, conhecemos in loco o trabalho desta associação e aprovamos a sopa, que é maravilhosa. Deixo aqui nosso reconhecimento aos voluntários que cedem parte do tempo para ajudar quem precisa”, afirmou o presidente Botelho.

“É gratificante participar desse trabalho social que ajuda muitas pessoas. Hoje vim saborear a sopa e reafirmar a parceria da Sala da Mulher com entidades como essa que faz toda a diferença na vida das pessoas”, disse dona Sônia Botelho.

Com duas filhas, a voluntária Daniele Leobas dos Santos, que mora no bairro Serra Dourado, destacou a importância da associação. “Estou nesse projeto há sete anos e sei o quanto essa ajuda é bem-vinda”, afirmou, ao explicar que está desempregada e o mutirão é um complemento ao sustento da família.

 

Fotos: Maurício Barbant/Assessoria Presidência