10 de Abril de 2018 / 12:10 h

SOCIAL

Botelho anuncia emenda para projeto Judô-Bope

Infraestrutura será ampliada para oferecer maior comodidade aos alunos e seus familiares

Por ITIMARA FIGUEIREDO – Assessoria de Imprensa da Presidência

O projeto social Judô BOPE – Ação, Cidadania e Educação vai receber emenda do presidente da Assembleia Legislativa, deputado Eduardo Botelho (DEM). Objetivo é ajudar na reforma e ampliação das instalações, que funciona dentro do Batalhão de Operações Especiais – BOPE, onde 340 alunos da rede pública e bolsistas de escolas privadas são treinados por professores voluntários. O anúncio foi feito pelo deputado, na noite desta segunda-feira (09.04), durante visita aos alunos, na sede do batalhão, onde foi recebido pelo comandante geral, tenente coronel Ronaldo Roque e pelo coordenador do projeto, Adalberto Corrêa Junior.

“Vamos destinar emendas ao projeto que é belíssimo. Viemos conhecer e merece todo apoio porque traz as crianças dos bairros para participar junto da polícia militar e tira o estigma de que polícia faz só repressão, o projeto mostra que também faz o trabalho preventivo. Queremos contribuir para que o projeto cresça e possa ampliar o número de alunos, porque aqui aprendem o real valor da disciplina, do respeito e do trabalho”, assegurou o deputado Botelho, ao destacar a emoção de ver as crianças tendo a oportunidade de praticar esporte.

O comandante Roque destacou a importância de abrir o Batalhão à população. “Esse projeto começou de forma bastante modesta e se tornou realidade trazendo as crianças para dentro da unidade, agregando os familiares e os pais. Objetivo está sendo alcançado como podemos constatar o atendimento para mais de 300 crianças”, afirmou o comandante.

“Todo o suporte da Assembleia Legislativa é muito importante para o nosso projeto. Precisamos reformar nossos vestiários, banheiros, e outras instalações como local de treinamento e sala de espera para os pais. A Assembleia sempre foi parceira e a presença do presidente aqui é de grande importância, pois nos garantiu que vai colaborar”, disse o coordenador, ao destacar emenda também destinada pelo deputado Mauro Savi.

Enzo Rodrigues de Miranda, 8 anos, é estudante do Sesi Escola e participa do projeto Judô Bope há três. Com brilho nos olhos diz que aprende a fazer cambalhotas e rolamentos. “Gosto muito porque meu pai é sensei e me ajuda muito, também tenho muitos amigos da mesma idade. É tudo muito bom!”.

Kauã Vitor, 11 anos, estudante da Escola Estadual Firmo José Rodrigues, do bairro Três Barras, acabou de ingressar e está gostando. “Minha tia viu na internet e me ajudou a conseguir a vaga aqui. Gosto muito e já tenho bastante amigos”.

Criado em 2010, o projeto Judô Bope é mantido por profissionais voluntários que não medem esforços para dar as aulas e buscar ajuda junto à sociedade organizada. Objetivo é estruturar e fortalecer o projeto, no BOPE – Polícia Militar e nas instituições de Segurança Pública de Mato Grosso, bem como fortalecer programas de utilização de esporte e artes marciais como instrumento de doutrina e educação, construção na formação de cidadãos de bem e como atividade física. Além de prevenir e reduzir a violência, conscientizar sobre os problemas de drogas e a criminalidade; combater a evasão escolar.

Mais informações
Assessoria de Imprensa da Presidência
Fones: 3313-6296/ 99952-1211

 

Fotos: Maurício Barbant/Assessoria Presidência