30 de julho de 2019

SEGURANÇA PÚBLICA

Botelho e lideranças recorrem ao governo por ações em Jangada

Por Itimara Figueiredo / ALMT

A população de Jangada quer mais atenção à área de Segurança Pública. O assunto foi tema da reunião realizada, a pedido do presidente da Assembleia Legislativa, deputado Eduardo Botelho (DEM), nesta segunda-feira (29), na Secretaria Estadual de Segurança Pública – SESP, com o secretário Alexandre Bustamante, vereadores, empresário e produtor rural da cidade.

Na oportunidade, a comitiva relatou a situação de medo que vivenciam os moradores de Jangada, município que tem grande fluxo de tráfego. Botelho destacou a necessidade de reforçar a segurança na região com ações de prevenção e repreensão. “Os vereadores, o prefeito, comerciantes e moradores da zona rural nos procuraram para falar sobre a questão da violência que está aumentando muito nos últimos meses. A insegurança é total.

ntão, viemos nessa reunião com o secretário e ele nos prometeu entrar forte lá e apresentar resultados para melhorar a segurança. Foi uma reunião positiva!”, afirmou Botelho.

De acordo com o presidente da Câmara Municipal de Jangada, Julio César Duarte, o número de furtos e roubos cresceu significativamente. O fechamento da delegacia da cidade agravou a situação, já que as ocorrências passaram a ser feitas em Rosário Oeste, o que dificulta ainda mais o registro das ocorrências. “A nossa população não tem conhecimento amplo, a maioria é carente e não tem acesso a Internet, então acaba sendo refém. São apenas dois policiais para atender todo o município”, lamentou o vereador.

A SESP envidará esforços para fazer um plano de ação que melhore a fiscalização. “De acordo com as informações que chegaram aqui, tem muitos veículos furtado ou roubado rodando na cidade, muita gente fazendo pequenos furtos e vamos intensificar essa fiscalização assim que tivermos o planejamento pronto”, garantiu Bustamante.

Fotos: Mauricio Barbant / ALMT