COVID-19

Botelho pede ao governo inclusão de doadores de sangue e de medula óssea na 1ª etapa de vacinação

Indicação 2017/2021 foi aprovada em plenário nesta segunda-feira e encaminhada ao Governo do Estado

Garantir a vacinação dos doadores de sangue e de medula óssea na primeira etapa do Plano Estadual de Imunização contra a Covid-19. Essa foi uma das indicações aprovadas em plenário, na última segunda-feira (22), de autoria do primeiro-secretário da Assembleia Legislativa de Mato Grosso, deputado Eduardo Botelho (DEM), e encaminhada ao Governo do Estado.

A medida ampara os doadores cadastrados no MT Hemocentro e no Registro Nacional de Doadores Voluntários de Medula Óssea – Redome. Hemocentros são instituições públicas ou privadas que realizam atividades de hemoterapia e hematologia com o objetivo de fornecer sangue (seus componentes e hemoderivados).

Botelho, que tem várias leis sancionadas de combate à pandemia, justifica o pedido diante à importância da ação dos doadores à sociedade, especialmente, no momento tão difícil em que o país atravessa, com alto índice de infectados pela Covid-19, doença que tem feito milhares de vítimas diariamente.

“Quando colocamos os doadores em grupos prioritários para a vacinação contra a Covid-19, promovemos a proteção dessas pessoas e, sobretudo, garantimos a continuidade de doação de sangue e de medula óssea aos pacientes que dependem dos doadores. Por essa razão, conto com o especial empenho do governador Mauro Mendes e do secretário de Saúde, Gilberto Figueiredo, no atendimento dessa indicação”, afirmou Botelho.