NOTA DE PESAR

Botelho manisfesta pesar pelo falecimento do radialista Edson Pires

O deputado estadual Eduardo Botelho manifesta o mais profundo pesar pelo falecimento do radialista e cerimonialista da Assembleia Legislativa de Mato Grosso há mais de 30 anos, Edson Pires, 81 anos, vítima decorrente de prováveis complicações da dengue hemorrágica. Após passar por vários tratamentos e ficar hospitalizado algumas vezes, recebeu alta na sexta-feira (9), passava bem, mas neste sábado (10), teve uma parada cardíaca.

Natural de Cuiabá, nasceu na atual rua Comandante Costa e teve uma criação recheada de muitos valores alicerçados pelos cuiabanos Antônio Gentil Pires, Francisca Infantino Pires e mais oito irmãos. Edson teve três filhos: Celso, o produtor cultural Edson Guilherme e Patrícia.

O sorriso fácil marcou a trajetória de Edson Pires por onde passou. A voz, forte e o linguajar tipicamente cuiabano abriram portas para o mercado da comunicação em Mato Grosso. Foi radialista nas rádios: Cultura de Cuiabá, Cidade FM (94,3), Mega FM (95,9) e dividiu a bancada com comunicadores como Willian Gomes, Márcio de Arruda, Roberto França, entre outros, nomes conhecidos da baixada cuiabana. Atualmente, era integrante da equipe do cerimonial da ALMT, e apresentava um programa musical semanal na rádio Assembleia (89,5 FM).

Segundo a sobrinha mais velha, Cácila Pires, que assistia o tio nos últimos dias, a família está muito abalada com a perda inesperada. “Ele amava o trabalho, dava o melhor de si nesses 30 anos de Assembleia e estava bem feliz com a trajetória do Botelho no legislativo. Vamos guardar na memória essa pessoa de astral elevado, um higienizador de ambientes natural com sua descontração”.

Eduardo Botelho lembra carinhosamente da trajetória profissional de Edson Pires. “Foi mais que um colega de trabalho, um amigo que nos conquistou com sua alegria e profissionalismo”, afirma.  O deputado desejou força e fé para a família superar esse momento de dor.

O velório está previsto para começar às 11h30 de hoje (11), na Capela Jardins, Sala Orquídeas, em Cuiabá.